7.5 C
Brasília
quinta-feira, maio 19, 2022
spot_img

PT ingressa no STF para impedir Copa América no Brasil; governistas da CPI afirmam que assunto não pode ser politizado

O senador Humberto Costa (PT-PE) anunciou na CPI da Pandemia, nesta terça-feira (1º), que o partido apresentou ao Supremo Tribunal Federal um pedido liminar contra a realização da Copa América no Brasil. Mas o senador Eduardo Girão (Podemos-CE) alertou que o assunto não deve ser politizado. O vice-presidente da CPI, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), apresentou requerimento de convocação do presidente da CBF, Rogério Caboclo.
Transcrição
LOC: O PARTIDO DOS TRABALHADORES ENTROU NO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL COM UM PEDIDO LIMINAR CONTRA A COPA AMÉRICA NO BRASIL. MAS O SENADOR EDUARDO GIRÃO, DO PODEMOS DO CEARÁ, AFIRMOU QUE ESSE ASSUNTO NÃO DEVE SER TRATADO NESSA CPI. REPÓRTER RODRIGO RESENDE.

(Repórter) O senador Humberto Costa, do PT de Pernambuco, anunciou na CPI da Pandemia que o partido entrou no Supremo Tribunal Federal com um pedido liminar contra a Copa América no Brasil. Para Humberto Costa, o Brasil não tem condições de abrigar o evento:

(Humberto Costa) Oferta de serviços públicos que nesse momento o Brasil não tem condição de fazer. Virão delegações de atletas, de torcedores, de dirigentes, de gente da Imprensa que vem cobrir, e isso significa que além de segurança leitos hospitalares atendimento à saúde coisa que tá faltando para a população brasileira nesse momento.

(Repórter) O presidente da CPI, Omar Aziz, do PSD do Amazonas, ressaltou que mudou de ideia em relação à Copa América:

(Omar Aziz) Ontem eu estava dando uma entrevista para a CNN e quando fui perguntado sobre essa questão no primeiro momento. Está tendo campeonato todo final de semana, todos os dias praticamente. Mas depois eu fui raciocinar, é uma sem lógica, não temos o que comemorar.

(Repórter) Mas o senador Eduardo Girão, do Podemos do Ceará, ao defender o evento no país, afirmou que o assunto não deve ser politizado:

Compartilhar

relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui