TvKajuru | Só Verdades

Compartilhar pelo whatsapp

Ministério Público investiga rombo nas contas públicas de Goiás

Postado por TVKajuru.com | 18/01/2017 às 01:36h

O Ministério Público de Goiás (MP/GO) está investigando o saldo negativo da conta centralizadora do Estado. O rombo nas contas públicas do Estado passou de R$ 621,7 milhões em 2010 para R$ 1,5 bilhão em 2014. As informações são do site Contas Abertas.

 

O procurador-Geral de Justiça de Goiás, Lauro Machado, determinou que sejam analisadas as consequências do crescimento do saldo negativo para o orçamento estadual, como a impossibilidade do aumento de despesas, por inadequação orçamentária e financeira, com repercussão na correta aplicação dos recursos do estado.

 

A investigação atende ao pedido em representação do Procurador Geral de Contas, Fernando dos Santos Carneiro, encaminhada ao Ministério Público. O documento do procurador enfatiza que foram inscritos na rubrica “Restos a Pagar” a soma de R$ 317 milhões sem a devida provisão de caixa. Os números se referem às contas do governador Marconi Perillo (PSDB) do ano de 2014.

 

No ano passado, a Contas Abertas e outras entidades de classe encaminharam representação ao conselheiro corregedor do Tribunal de Contas do Estado do Goiás (TCE/GO), Celmar Rech, pedindo afastamento do conselheiro da Corte, Edson José Ferrari. A intenção era impedir que Ferrari julgasse as contas do governo em 2015, o que foi acatado. Ferrari mantém uma relação de amizade com o governador Marconi Perillo (PSDB)

Fonte |

Compartilhar em:


PUBLICIDADE