TvKajuru | Só Verdades

Compartilhar pelo whatsapp

Capitão América: Guerra Civil e como Steve Rogers mudou a vida de Chris Evans

Postado por TVKajuru.com | 29/04/2016 às 11:09h

Ator contou ao Omelete o que aprendeu depois de cinco filmes como o herói

 


Quando aceitou ser o Capitão América dos cinemas, Chris Evans estava receoso. A obrigação de fazer seis filmes como o mesmo personagem parecia uma eternidade limitadora para o ator de então 30 anos. Hoje, aos 35, ele parece completamente seguro no papel, disposto a continuar na pele de Steve Rogers por muito mais tempo do que o previsto naquele primeiro contrato. “O conheço muito bem agora e me sinto muito confortável como ele. É muito mais fácil reagir como acho que ele reagiria, o que torna atuar algo muito mais divertido”, contou sobre sua familiaridade com o papel durante a nossa visita ao set de Capitão América: Guerra Civil.

A experiência também tornou mais prática a parte física do trabalho. Evans conta que agora sabe como programar o cronograma de filmagens para aproveitar melhor o trabalho feito na pré-produção, quando malha pesado para ganhar massa muscular. “Digo para filmarem antes todas as cenas em que não estou de uniforme, que estou de camiseta, ou simplesmente preciso parecer mais forte, pois chegarei para o primeiro dia no set o maior que puder. Pois quando você começar a usar o uniforme todos os dias, você simplesmente derrete, perde 2 Kg por dia. (...) Depois de uma semana fazendo essas cenas de ação você perde 5 Kg. Além disso você está exausto, os exercícios que você faz não são nem de perto tão eficientes como antes. Então é melhor filmar tudo que precisa de músculos antes, para depois apenas suar”.

 

O ator também conta que depois de cinco filmes no Universo Cinematográfico da Marvel, aprendeu a trabalhar bem com efeitos visuais. Tudo seria uma questão de imaginação: “Eventualmente vai chegar um dia em que não teremos mais efeitos práticos (...). Fiz bastante cenas com tela verde e, claro que é legal ter um ambiente tangível, fiz filmes de época e filmes em que você tem um mundo completo para se perder, mas também fiz teatro, onde um monte de pessoas está olhando para você e as luzes quase o cegam. Você sempre tem que ter a habilidade de imaginar, se você não consegue ligar isso, você vai ter problemas. Os filmes da Marvel certamente são um bom treino para isso”.

 

Depois de Guerra Civil, Capitão América deve retornar ao cinema para as duas partes de Guerra Infinita, podendo passar antes pelos filmes solos de outros heróis, como Homem-Aranha Pantera Negra. Aquele antigo contrato para seis longas, portanto, deve ser renovado em breve. Ainda mais agora, com Evans garantindo que poderia continuar a fazer isso para sempre.


Capitão América: Guerra Civil já está em cartaz nos cinemas brasileiros.


Compartilhar em:


PUBLICIDADE